Notícias

Brasil e Angola começam a negociar acordo previdenciário

25/09/2013 15:00 - TAGS: ,

LOC/REPÓRTER: Brasil e Angola poderão firmar um acordo de cooperação previdenciária. É com esse objetivo que técnicos dos dois países iniciaram nesta terça-feira, em Brasília, uma série de reuniões visando negociar o possível convênio. O diretor nacional de Segurança Social do Ministério de Administração Pública, Emprego e Segurança de Angola, Jesus Maiato, falou à Rádio Previdência sobre o assunto:

TEC/SONORA – Diretor de Segurança Social do Ministério de Administração Pública, Emprego e Segurança de Angola, Jesus Maiato.

Nós com essa visita queremos dar início às primeiras negociações e impressões no sentido de identificarmos áreas futuras de cooperação com o Ministério da Previdência de Angola e o brasileiro. Esse é o principal propósito.

LOC/REPÓRTER: Jesus Maiato destacou ainda as áreas de cooperação que poderão ser previstas no acordo:

TEC/SONORA: Diretor de Segurança Social do Ministério de Administração Pública, Emprego e Segurança de Angola, Jesus Maiato.

A manifestação do nosso país foi no sentido da área da capacitação dos quadros do setor da Previdência. Essa é uma das áreas já identificadas. Poderemos aprofundar nos domínios das tecnologias de informação, cruzar informações, também capacitação, procedimentos, também no domínio da segurança social, não só no domínio do conhecimento como também de estudos sobre legislação. É um conjunto de áreas abertas que com conhecimento da realidade poderemos aprofundar no futuro.

LOC/REPÓRTER: Durante a permanência no Brasil, até a próxima sexta-feira, a delegação angolana conhecerá detalhes sobre o CNIS, o Cadastro Nacional de Informações Sociais a rede de atendimento, os canais remotos e a sala de monitoramento do INSS. Hoje, Angola tem 18 milhões de habitantes, um milhão de trabalhadores inscritos na Previdência e paga cerca de 75 mil benefícios por mês.

De Brasília, Ana Carolina Melo

 

Fonte